Avião atrasado? Voo cancelado? >>Reivindicar compensação agora<< para o vôo
atrasado ou cancelado! Você pode ganhar até € 600!

A Bulgária exige quarentena para viajantes não vacinados do Reino Unido e de 52 outros países terceiros

0 148

O Ministério da Saúde da Bulgária publicou a última avaliação de risco do Coronavírus, classificando os países em três categorias (vermelho, verde e laranja) com base na taxa de infecção nas últimas duas semanas.

No entanto, independentemente do país de origem, os viajantes que foram previamente vacinados, recuperados do vírus e aqueles que foram testados e testados negativos nas últimas horas podem entrar na Bulgária sem requisitos de quarentena ou teste. A mesma regra se aplica a todos os titulares de certificados digitais COVID-19 da UE.

De acordo com um comunicado de imprensa emitido pelas autoridades búlgaras, os viajantes que chegam à Bulgária vindos de países da zona vermelha devem apresentar um teste PCR negativo realizado o mais tardar 72 horas antes da chegada e ficar em quarentena por dez dias. O viajante pode encerrar a quarentena dentro de 24 horas após um resultado negativo do teste de PCR.

Os países na lista vermelha da Bulgária são:

  • Cipru
  • Unidade Regatul
  • Fiji
  • Georgia
  • Israel
  • Eswatini
  • Irã
  • Macedônia do Norte
  • Montenegro
  • Kosovo
  • Kazahstan
  • Estados Unidos da América
  • Santa Lúcia
  • Cristóvão e Neves
  • Irlanda
  • Granada
  • Sérvia
  • Palestina
  • Índia
  • Bangladesh
  • Nepal
  • Myanmar
  • Butão
  • Sri Lanka
  • Maldivas
  • África do Sul
  • Botsuana
  • Tanzânia
  • Seychelles
  • Namíbia
  • Zâmbia
  • Omã
  • Malásia
  • Turquemenistão
  • Tajiquistão
  • KYRGYZSTAN
  • Mongólia
  • Colômbia
  • Chile
  • Uruguai
  • Argentina
  • Brasil
  • Paraguai
  • Bolívia
  • Peru
  • Suriname
  • Panamá
  • Costa Rica
  • Guatemala
  • Belice
  • El Salvador
  • Cuba
  • República Dominicana

As autoridades de saúde búlgaras descreveram esses países como epidemiologicamente inseguros, de acordo com os seguintes critérios:

  • A taxa de infecção em 14 dias por 100 habitantes é maior ou igual a 000 por 500 habitantes
  • Não há informações suficientes sobre o país devido a raras atualizações de informações ou o nível da pesquisa é inferior a 300 amostras por 100.000 habitantes
  • O país relatou casos com outras variantes do SARS-CoV-2 e as regras impostas dependem do volume e do nível de transmissão do coronavírus.

Os países que constam da lista verde e que nos últimos 14 dias notificaram entre 75 e 200 casos positivos por 100.000 habitantes ou com positividade dos testes igual ou inferior a 4% são:

  • Áustria
  • Polonia
  • Eslováquia
  • Hungria
  • Finlândia
  • Noruega
  • Cidade do Vaticano
  • República Checa
  • Luxemburgo
  • România
  • Dinamarca
  • Itália
  • Espanha
  • Malta

Os viajantes desses países não têm requisitos de quarentena e só podem entrar na Bulgária com um resultado de teste de até 72 horas antes da chegada. Se os passageiros não atenderem a este critério, eles podem ser submetidos a um teste PCR na chegada e devem permanecer em quarentena até que o resultado do teste seja recebido.

Os países que não foram mencionados em nenhuma das listas acima são colocados na lista laranja e têm regras semelhantes aos países da lista verde.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.