Airbus interrompe temporariamente a maior parte da produção na Espanha

0 284

O governo espanhol anunciou novas medidas no combate ao novo COVID-19. Essas medidas entram em vigor entre 30 de março e 9 de abril e restringem todas as atividades não essenciais em todo o país.

Na indústria de construção de aeronaves e helicópteros, existem operações essenciais e não essenciais. Os essenciais estão no campo de TI, segurança, engenharia, montagem e permanecerão ativos sob as rigorosas medidas impostas para proteger os funcionários contra o COVID-19.

Alguns funcionários da Airbus na Espanha, cujos trabalhos não estão relacionados à produção e montagem, poderão trabalhar em casa e continuar a apoiar as atividades da Airbus durante esses tempos difíceis.

Todas as outras atividades serão descontinuadas até 9 de abril, quando se espera que as restrições sejam levantadas.

Airbus continua a apoiar a luta contra o novo vírus COVID-19 através de vôos humanitários operados com suas próprias aeronaves A330 MRTT, A330-800neo e A400M

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.