Avião atrasado? Voo cancelado? >>Reivindicar compensação agora<< para o vôo
atrasado ou cancelado! Você pode ganhar até € 600!

COVID-19 Daily - outubro 13: Romênia solicitou ajuda internacional; A Rússia está testando um spray nasal; FMI alerta para crise financeira; injeção de laser!

0 139

A pandemia COVID-19 continua a galopar ao redor do mundo, causando vítimas diretas e indiretas. Alguns países estão anunciando o relaxamento das medidas anticovídicas, mas a economia está entrando em colapso. Outros países estão pedindo ajuda internacional porque a situação ficou fora de controle, e aqui temos a Romênia como exemplo. Abaixo, você encontra algumas das informações mais importantes sobre o COVID-19:

  • A Rússia testará um spray nasal derivado da vacina Sputnik V. De acordo com um documento estadual, os testes serão feitos em voluntários. O presidente Vladimir Putin disse que a Rússia precisa acelerar a campanha de vacinação, já que o país tem o maior número de mortes pelo segundo dia consecutivo. 
  • Covax disse que a meta de distribuir 2 bilhões de doses globalmente até o final deste ano não é mais realista. De acordo com as últimas estatísticas de 8 de setembro, a Covax agora espera fornecer doses de vacina de US $ 1,4 bilhão em 2021, o que é um déficit de quase um terço.

A Roménia solicitou assistência internacional ao Centro Euro-Atlântico de Coordenação de Resposta a Catástrofes (EADRCC) para a sua resposta à pandemia. 

  • Fundo Monetário Internacional (FMI) diz que o apoio de emergência COVID-19 dos bancos centrais e ministérios das finanças deixou o mundo aberto a uma nova crise financeira. 
  • Pesquisadores holandeses dizem que encontraram uma maneira de aplicar injeções em pacientes sem o uso de agulhas, confiando em vez de líquido pressurizado a laser. De acordo com um em cada cinco holandeses que têm medo de agulhas, os cientistas dizem que a inovação pode ser revolucionária, mas ainda levará alguns anos para que a tecnologia entre no mercado. 
  • O ex-secretário da Saúde do Reino Unido Matt Hancock anunciou que foi nomeado Representante Especial das Nações Unidas para a África. A nova função significa que ela se concentrará em ajudar os países africanos a se recuperarem do COVID-19. 
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.