O atraso do voo SAS SK4700, a partir de 7 de agosto, levou ao isolamento de 158 passageiros

0 7.224

No dia 7 de agosto, o voo SAS SK4700, na rota Nice - Oslo, teve um atraso de 15 minutos. De acordo com o novo cronograma, estava programado para pousar em Oslo por volta das 00h10.

É que o problema está chegando agora. A Noruega anunciou em 6 de agosto de 2020 que a França, Suíça, o Principado de Mônaco e a República Tcheca serão incluídos na "lista vermelha" após cruzar o limiar de 20 novos casos de COVID-19 por 100.000 habitantes nos últimos 14 dias. A medida viria com o isolamento por 10 dias de todos os que viajam desses países para a Noruega. A nova medida entrou em vigor no dia 8 de agosto, às 00h00.

Retornamos ao vôo SK4700 a partir de 7 de agosto. Os pilotos sabiam que um pouso à meia-noite colocaria os passageiros em confinamento solitário. E dispararam o máximo que puderam para evitar esse transtorno, principalmente porque o vôo estava 15 minutos atrasado.

Infelizmente, o pouso em Oslo foi registrado às 00h01, 9 minutos antes do horário programado, mas 1 minuto após a meia-noite. Os passageiros aplaudiram os esforços da tripulação, mas infelizmente os 158 passageiros estão agora em confinamento solitário por 10 dias.

O Ministro da Saúde norueguês explicou que os passageiros devem entrar em confinamento solitário porque chegaram a Oslo depois da meia-noite, quando as novas restrições de entrada entraram em vigor. Mesmo com um tempo limite de 1 minuto, não há exceção à lei.

Outra prova de que cada minuto conta.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.