A dose de reforço foi reduzida de 6 meses para 4 meses!

0 602

Prazo mínimo para administração da dose de reforço da vacina anti-COVID será avançado de 6 para 4 meses na Romênia, informa Notícias quentes. O anúncio foi feito na quinta-feira pelo médico Valeriu Gheorghiță, coordenador da campanha nacional de vacinação contra o COVID-19.

A decisão foi tomada porque os dados científicos mostram que a proteção conferida pela vacina diminui após 4 meses do calendário inicial de vacinação, disse o médico militar. A mudança entra em vigor na segunda-feira, 17 de janeiro.

A forte recomendação do CNCAV é administrar uma vacina baseada no RNA mensageiro na dose de reforço, porque o efeito das vacinas de RNA no reforço é melhor, disse Valeriu Gheorghiță.

Neste momento, na Roménia, todas as pessoas com mais de 12 anos podem ser vacinadas com a dose de reforço, independentemente da história de ter passado pela doença, se tiverem pelo menos 6 meses do calendário primário de vacinação (doses 1 e 2) .

Na Romênia, a administração da terceira dose da vacina contra a COVID-19 (reforço) começou em 28 de setembro do ano passado, para pessoas que tinham pelo menos 6 meses de idade da segunda dose da vacina.
De acordo com os últimos dados fornecidos pelo CNCV, 2.179.080 pessoas receberam a terceira dose da vacina na Romênia até quarta-feira.

A informação é muito importante para todas as pessoas que desejam obter o calendário vacinal completo, incluindo a dose de reforço, para poder viajar internacionalmente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.