Para evitar aglomerações nos aeroportos, novas regras operacionais foram impostas

Para evitar aglomerações nos aeroportos, novas regras operacionais foram impostas

0 177

Considerando os últimos eventos que ocorreram durante 9 de abril de 2020 no Aeroporto Internacional Avram Iancu em Cluj-Napoca, em conexão com o qual a Inspetoria Geral da Polícia Romena (IGPR) anunciou a abertura de um processo criminal para a prevenção do controle de doenças, no nível do Ministério dos Transportes, Infraestrutura e Comunicações, estão sendo realizadas verificações sobre diversos aspectos que se enquadram na área de competência das estruturas subordinadas. Ministério.

Assim, o ministro Lucian Bode ordenou a investigação da forma como os transportes rodoviários para o aeroporto eram organizados a partir dos condados de origem dos cidadãos que deveriam voar do aeroporto de Cluj. Através da Autoridade Rodoviária Romena (ARR) e da Inspeção Estadual do Controle no Transporte Rodoviário (ISCTR), será verificado o relato dessas corridas ocasionais realizadas por operadores de transporte rodoviário.

Além disso, o ministro Lucian Bode ordenou a elaboração de uma Ordem Ministerial que regule o procedimento relativo à organização de grupos de trabalhadores sazonais que deixam a Romênia para outros países.

É importante ter uma rastreabilidade clara de todo o procedimento, para o qual representantes do Ministério do Trabalho e Proteção Social, Ministério das Relações Exteriores e Ministério da Administração Interna estiveram envolvidos nesse processo.

O procedimento estabelecido pela Ordem é de apoio a cidadãos que não devem ser expostos a qualquer risco de infecção, bem como de aeroportos que terão procedimentos de voo muito bem estabelecidos.

Até que o pedido seja publicado no Monitor oficial, todos os voos charter serão processados ​​para que os passageiros nos aeroportos possam ir para os respectivos destinos.

O Ministério dos Transportes, Infra-estruturas e Comunicações através da Autoridade Aeronáutica Civil Romena (AACR) aprovará / aprovará qualquer transporte aéreo

Após o surgimento da Portaria Militar no. 8 de 9.04.2020 O Ministério dos Transportes, Infra-estrutura e Comunicações, através da Autoridade Aeronáutica Civil Romena (AACR), aprovará / aprovará qualquer transporte aéreo, mesmo daqueles aeroportos subordinados às autoridades do condado.

A AACR adotou um conjunto de medidas desde a noite passada, com uma comunicação com todos os aeroportos do país sobre os voos charter para o transporte de trabalhadores sazonais da Romênia para outros estados.

Assim, foi estabelecido um guia de ações obrigatórias com as seguintes coordenadas, após as quais a atividade nos aeroportos é organizada:

  • Os aeroportos devem ser informados pelo operador da aeronave sobre os voos que pretendem fazer. O aeroporto precisará confirmar que concorda com o (s) respectivo (s) voo (s);
  • O operador de manuseio (seja do aeroporto ou de outra entidade autorizada pela AACR) deve confirmar que os serviços de manuseio necessários podem ser executados em conformidade com as medidas para evitar a propagação do COVID 19, adaptado ao aeroporto em questão, garantindo assim a proteção dos passageiros. processo, visitantes e funcionários do aeroporto.
  • Nesse sentido, recomendou-se que, quando a possibilidade de voo fretado fosse confirmada, fosse considerada a duplicação do tempo necessário para o processamento de passageiros e bagagem no horário normal.
    Ao mesmo tempo, solicitou-se o monitoramento contínuo da manutenção da distância social dentro do aeroporto e a ação imediata quando forem detectados desvios.

Por último, mas não menos importante, foi decidido garantir permanentemente a conexão e a coordenação com as Diretorias Locais de Saúde Pública (DSPs) para quaisquer questões de segurança e proteção dos funcionários, passageiros e visitantes do aeroporto.

FOTO: Aeroportos de Bucareste

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa o Akismet para reduzir o spam. Saiba como seus dados de comentário são processados.