Grandes companhias aéreas da UE decidiram reembolsar dinheiro para voos cancelados na pandemia

0 790

Um grupo de companhias aéreas europeias concordou em reembolsar o dinheiro dos voos cancelados durante a pandemia COVID-19 e se comprometeu a fornecer melhores informações sobre os direitos dos passageiros, informa Reuters.

Na sequência de discussões com a Comissão Europeia, 16 companhias aéreas concordaram em pagar atrasos financeiros em bilhetes de passageiros afetados por voos cancelados e em informar melhor os passageiros quando os voos serão cancelados. Ao mesmo tempo, os vouchers só serão oferecidos quando os passageiros os desejarem especialmente.

Aegean Airlines, Air Frances, Alitalia, Austrian Airlines, British Airways, Brussels Airlines, Eeasyjet, Eurowings, Iberia, KLM, Lufthansa, Norwegian, Ryanair, TAP, Vueling e Wizz Air decidiram reembolsar os montantes devidos aos clientes a tempo. teve voos cancelados durante a pandemia do coronavírus, mas também para informar melhor seus passageiros sobre voos cancelados devido às companhias aéreas.

As autoridades nacionais de cada Estado-Membro da UE são responsáveis ​​pela aplicação da legislação da UE em matéria de defesa do consumidor. A Comissão Europeia afirmou que esta foi a maior ação de cooperação para a proteção do consumidor na história da rede CCP e a primeira ação baseada num alerta da Comissão.

A Chefe de Transporte da UE, Adina Valean, também saudou o acordo, acrescentando que restauraria a confiança entre os passageiros e as companhias aéreas. "A recuperação do setor de transporte aéreo depende dissou ”, disse ela.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.