10 dos piores aeroportos do mundo: funcionários mal educados e filas intermináveis! Veja onde fica o Aeroporto Internacional Henri Coanda Bucareste!

1 1.005

De acordo com uma pesquisa realizada por AirHelp8 dos 10 piores aeroportos do mundo estão na Europa. Os entrevistados reclamaram de filas intermináveis ​​e funcionários mal-educados, business Insider.

A pesquisa AirHelp avalia a experiência do passageiro com base em três critérios: pontualidade dos voos e qualidade dos serviços aeroportuários (60% da classificação); serviços terrestres (20% do rating); comida e lojas (20% da classificação).

Após esta pesquisa, o Aeroporto do Qatar foi nomeado o melhor do mundo, com uma pontuação de 8.39/10. Mas, por outro lado, temos 10 dos aeroportos mais fracos do mundo.

10. Gatwick (Londres, Reino Unido)

Nota geral: 6,62/10. É o segundo maior aeroporto do Reino Unido e muitos visitantes reclamam que é muito lotado, mas também barulhento. Alguns também reclamam que tem "infraestrutura horrível" para crianças.

9. Billy Bishop (Toronto, Canadá)

Nota geral: 6,5/10. O nono maior aeroporto do Canadá atendeu 282.000 passageiros em 2021. Embora esteja no topo da lista da AirHelp dos piores aeroportos do mundo, tem avaliações bastante boas na Skytrax.

8. Porto (Porto, Portugal)

Nota geral: 6,46/10. O segundo maior aeroporto de Portugal serviu pelo menos 13 milhões de pessoas em 2019. E opiniões divergentes sobre este aeroporto. Por exemplo, um passageiro diz que é um dos melhores aeroportos da Europa, enquanto outro reclama da qualidade da comida e das filas extremamente longas.

7. Orly (Paris, França)

Nota geral: 6,37/10. O segundo maior aeroporto de Paris tem muitos visitantes insatisfeitos e avaliações muito baixas na Skytrax. Um passageiro descreveu-o como "o pior aeroporto de todos os tempos", enquanto outro reclamou que teve uma espera tão "lenta e longa" que perdeu o voo.

6. Manchester (Manchester, Reino Unido)

Nota geral: 6,26/10. O terceiro maior aeroporto do Reino Unido, embora tenha uma classificação decente em serviços e lojas, perde muitos pontos na consistência dos serviços. De fato, um dos visitantes afirma que esperou mais de duas horas para pegar sua mala.

5. Aeroporto Internacional de Malta (Malta)

Nota geral: 6,05/10. O único aeroporto do país tem uma pontuação extremamente baixa. Alguns dizem que o aeroporto é muito pequeno para o número de passageiros que atende e que os atrasos são frequentes.

4. Henri Coandă (Bucareste, Romênia)

Nota geral: 6,03/10. O maior aeroporto do país, que atendeu quase 7 milhões de passageiros em 2021, tem pontuações baixas nos três critérios. Um passageiro disse que a equipe era "um pouco agressiva" e hostil. Outro passageiro disse que o aeroporto o lembrava dos anos 1960.

3. Eindhoven (Eindhoven, Holanda)

Nota geral: 5,92/10. Diz-se que o segundo maior aeroporto da Holanda é muito pequeno e tem "funcionários muito rudes", de acordo com um passageiro. Outro crítico observa que o aeroporto é como um "estábulo" porque os passageiros são solicitados a esperar ao ar livre.

2. Aeroporto Internacional do Kuwait (Kuwait City, Kuwait)

Nota geral: 5,78/10. O aeroporto atendeu pelo menos 15 milhões de visitantes em 2019 e tem uma classificação baixa. Alguns passageiros reclamaram do cheiro das instalações, mas também do comportamento pouco profissional dos funcionários.

1. Lisboa Humberto Delgado (Lisboa, Portugal)

Nota geral: 5,76/10. É o 16º maior aeroporto da Europa e em 2019 serviu 31 milhões de passageiros. Muitos reclamam de filas no controle de passaportes (até seis horas de espera para alguns), por isso tem uma pontuação de consistência muito baixa.

É possível que em 2022 esse ranking mude. Devido à crise de pessoal, cada vez mais aeroportos enfrentam congestionamentos e filas intermináveis ​​em postos de controle de segurança ou escritórios de check-in. Ao mesmo tempo, há longos tempos de espera ao pegar a bagagem.

Comentário 1
  1. […] 9. O Aeroporto Henri Coandă de Bucareste ocupa o 4º lugar no ranking dos aeroportos mais fracos da Europa pela empresa alemã AirHelp, especializada na recuperação de danos por voos atrasados ​​ou cancelados. O ranking foi baseado em uma pesquisa que teve como principais critérios a pontualidade dos voos e a qualidade dos serviços aeroportuários (60% da classificação), serviços terrestres (20% da classificação) e a área de alimentação e comércio ( 20% da nota). (Viagens Aéreas) […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.