Condições de viagem na Lituânia: teste com resultado negativo para infecção e isolamento pelo vírus SARS-CoV-2

0 360

EMERGÊNCIA: SIM, a partir de 27 de fevereiro de 2020.

CONDIÇÃO DE QUARENTENA: SIM

A partir de 7 de novembro de 2020, às 00h00, o estado de quarentena foi estabelecido em todo o território do estado, até 31 de março de 2021, às 00h00.

No contexto do surgimento de novas cepas do vírus SARS-CoV-2, a Lituânia reforçou as condições de entrada em território nacional. Assim, a lista de estados afetados pela pandemia COVID-19 publicada pelo governo lituano em seu site: https://koronastop.lrv.lt/en/ inclui os estados em que as novas cepas foram identificadas e os Estados-Membros da UE incluídos na categoria vermelha, de acordo com informações publicadas pelo Centro Europeu de Prevenção e Controle de Doenças: https://www.ecdc.europa.eu/en.

Teste com resultado negativo para COVID-19

A partir de 10.03.2021, todos os passageiros que chegam à Lituânia em meios de transporte comercial autorizados (em rotas internacionais, organizadas e operadas por transportadoras como serviços regulares, especiais ou fretados, por qualquer meio de transporte) devem apresentar um documento traduzido em lituano, inglês ou Russo, que atesta o resultado negativo de um teste para infecção pelo vírus SARS-CoV-2, realizado até 72 horas antes da chegada. 

Pessoas que viajam para a Lituânia em seus próprios meios de transporte devem testar negativo para infecção pelo vírus SARS-CoV-2 ou ser testado na chegada naquele estado dentro de 24 horas.

De acordo com a decisão do governo lituano, os testes serológicos para anticorpos já não são aceites à entrada no território deste estado.

Além desta medida, as pessoas que chegam à República da Lituânia devem se isolar por um período de 10 dias, com a possibilidade de suspender a medida após um período de 7 dias se realizarem um teste para infecção pelo vírus SARS-CoV-2 de 7 dias cujo resultado é negativo e a pessoa em questão não apresenta sintomas de infecção respiratória (febre, tosse, dificuldade em respirar).

Ao mesmo tempo, todas as pessoas que entram na República da Lituânia devem preencher o formulário no site do Centro Nacional de Saúde Pública da Lituânia (NPHC). https://keleiviams.nvsc.lt/en/form) e apresentar a confirmação recebida - código QR - no momento do embarque. Indivíduos que viajam individualmente por estrada devem se registrar eletronicamente no National Center for Public Health - NPHC, em até 12 horas após a chegada neste estado.

Transito:

As restrições não se aplicam em caso de trânsito pelo território da República da Lituânia.

Exceções:

Os membros da tripulação de empresas envolvidas no transporte comercial internacional (incluindo transporte rodoviário) estão isentos de medidas de auto-isolamento e teste.

Pessoas que foram confirmadas com infecção pelo vírus SARS-CoV-2 nos últimos 90 dias antes da entrada na República da Lituânia ou que foram vacinadas contra COVID-19 estão isentas do teste e da medida de auto-isolamento, desde que um médico certificado é apresentado. (em lituano, inglês ou russo) para mostrar este aspecto.

Medida de auto-isolamento:

Pessoas que chegam de países onde foram identificadas cepas aceleradas do vírus SARS-CoV-2 estão sujeitas a condições de isolamento mais rígidas. Assim, as pessoas em causa não podem deixar o local de isolamento, a menos que necessitem de cuidados médicos urgentes e tenham de se deslocar a uma unidade médica ou a um posto de teste móvel.

As pessoas sujeitas à medida de isolamento podem comparecer a cerimônias fúnebres de parentes próximos, mudar o local do isolamento ou viajar para consultas médicas, com a permissão do Centro Nacional de Saúde Pública (NPHC).

Pessoas que chegam de países onde a disseminação de novas cepas do vírus SARS-CoV-2 está se acelerando devem isolar-se em uma residência / cômodo separado.

O auto-isolamento no mesmo espaço só é permitido para pessoas que tenham viajado juntas, exceto crianças, que poderão permanecer com familiares durante todo o período de isolamento.

Pessoas que chegam de outros estados afetados pela pandemia COVID-19 podem deixar o local onde se auto-isolam e podem viajar em um raio de 1 km ao redor sem notificação do NPHC. Além disso, as pessoas em causa podem isolar-se no mesmo apartamento com os familiares que não tenham viajado para o estrangeiro, em quarto separado, sendo necessário limitar o contacto com as outras pessoas da habitação.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa o Akismet para reduzir o spam. Saiba como seus dados de comentário são processados.