Flybe poderia retornar ao vôo no início de 2021.

0 307

A companhia aérea britânica Flybe, que faliu em março, está prestes a voltar a voar no início de 2021. Foi adquirida por Tomilho Opco, sociedade controlada pelo fundo de investimento Cyrus Capital, um de seus ex-acionistas.



A Flybe, que era uma das maiores companhias aéreas regionais da Europa, faliu no início de março. A nova crise do coronavírus estava em sua infância, mas atingiu duramente a companhia aérea britânica.

Antes de sua falência, a Flybe transportava aproximadamente 8 milhões de passageiros por ano e operava em 81 aeroportos no Reino Unido e na Europa. Ela tinha mais de 2.000 funcionários na época da falência.

No momento temos apenas um comunicado de imprensa e algumas esperanças da EY, a nova diretora da empresa. Mas seria ótimo para FlyBe voltar ao vôo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.