Israel relaxa as condições COVID localmente e se recusa a solicitar o certificado de vacinação COVID!

0 336

Israel praticamente se recusou a pedir ao público que forneça documentos que comprovem o status de vacinação, apesar de um número recorde de pacientes gravemente doentes que sofrem de COVID-19, informou a DPA na segunda-feira., citado por Agerpres!

A partir de segunda-feira, as pessoas terão que provar que foram vacinadas ou foram diagnosticadas com “passaporte verde” apenas quando comparecerem a eventos de grande escala, como casamentos.

Isso significa que qualquer pessoa pode ir a um restaurante, cinema ou hotel sem precisar apresentar documento ou comprovante de resultado negativo do teste de coronavírus.

Mudar as regras também significa que, quando você sair de Israel, as pessoas não vacinadas não terão mais que fazer um teste negativo para coronavírus. O abrandamento surge apesar do facto de mais de 1.200 pessoas estarem hospitalizadas com infeção por COVID-19, o número mais elevado desde o início da pandemia no país de 9,4 milhões de habitantes, refere a DPA.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.