Malta pretende atrair 1.8 milhões de turistas este ano

0 153

A Autoridade de Turismo de Malta revelou que pretende atrair 1.8 milhão de turistas este ano. Tal declaração da Autoridade de Turismo de Malta ocorre no momento em que o país decidiu relaxar suas restrições ao COVID-19.

De acordo com o Times of Malta, o CEO do Aeroporto Internacional de Malta, Alan Borg, disse esperar que a indústria do turismo do país atinja os níveis de 2015. No entanto, ainda não está claro se Malta conseguirá atingir os níveis de 2019. Atualmente, é 35% menor.

Borg explica que outros destinos europeus, como Portugal, Espanha, Chipre e Croácia, têm apresentado tendências positivas, sugerindo que o país deve atrair mais viajantes.

Desde 2 de maio, Malta flexibilizou suas condições de viagem, com todos os passageiros podendo entrar em Malta sem precisar preencher o formulário de localização do passageiro. Ao mesmo tempo, Malta não exige mais máscaras obrigatórias em locais públicos e eventos na ilha.

Além do acima, Malta decidiu não classificar outros países como vermelho ou vermelho escuro. Como não há mais classificações de países, os viajantes não precisam de autorização prévia de viagem da Superintendência de Saúde Pública.

No entanto, os viajantes devem ter em mente que, apesar de abrir mão de algumas de suas regras, Malta ainda exige que os viajantes forneçam uma prova válida do COVID-19. Todos os viajantes que chegam a Malta devem ter um certificado de vacinação, recuperação ou teste para poder entrar no país sem outras medidas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.